sexta-feira, fevereiro 17, 2006

Movimentos Perpétuos


O que faria juntar nomes de tão variadas correntes como o são Sam the kid, Rodrigo Leão, Gaiteiros de Lisboa, Dead Combo ou Ricardo Rocha? Carlos Paredes. Em 2003, sob a alçada e escolha de Henrique Amaro (nome ligado, como sempre, à Antena3), reuniram-se 20 músicos com o único propósito de homenagear Carlos Paredes. O resultado foi um cd duplo de 20 músicas onde se criam ambientes e sons a partir desse identidade comum.
Sem ser um cd brilhante e sem ter, como seria de esperar numa compilação, uma toada única, consegue-se, apesar de tudo, manter uma certa fidelidade ao tema original. Contudo, é bem visível (ou melhor, audível) que a grande maioria das criações procurou mostrar Paredes á sua maneira, mantendo um som muito próprio e característico, como o atesta Rodrigo Leão.
Com uma sonoridade que oscila entre o Chillout e uma certa melancolia, este álbum, cujo nome remete para um álbum do próprio Paredes - Movimento Perpétuo - , permite uma abordagem diferente ao grande mestre da guitarra portuguesa. Com um especial sabor para os fãs de Paredes pela homenagem, terá Movimentos Perpétuos o seu ponto alto em "Viva!", tributo bem conseguido de Sam the kid.
Título: Movimentos Perpétuos - Música para Carlos Paredes
Autor: Vários
Nota: 6/10

3 Comments:

Blogger Gavião said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

7:48 da tarde  
Blogger Gavião said...

Sou um grande adepto da guitarra portuguesa. Devo confessar que tendo este álbum, é de facto das mais queridas coisas que possuo. Não exito em confessar que concordo com a crítica, e que apoio a escolha do tema "Viva!" como ex-libris desta colecção. Vocês sabem bem o que é o bom da vida! E viva o fado!

7:49 da tarde  
Blogger Hitchhiker said...

Obrigado pelo comentário e pela visita. Vai passando.

10:58 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home