quarta-feira, fevereiro 07, 2007

BES Photo 2006

Em exposição na Galeria 3 do C.C.B., desde 19 de Janeiro último e até 18 de Março, encontra-se a colecção de fotografias que este ano concorre ao prémio BES Photo 2006. É de uma parceria entre o banco que dá nome ao prémio e a instituição que acolhe a exposição que nasce esta iniciativa que vai já na terceira edição e cujo vencedor será anunciado a 27 de Fevereiro. O que podemos ver nesta exposição é uma mostra dos quatro concorrentes, numa selecção díspar de fotografias cuja temática não abunda nem é frequentemente visitada em Portugal.

Longe do fotojornalismo, face mais visível da fotografia a nível mediático, e da fotografia mais clássica, a que o grande público mais está habituado, esta exposição é um olhar muito interessante sobre a afirmação e a originalidade da fotografia enquanto objecto puramente artístico e estético ainda que, no caso em questão, bastante centrado na pessoa.

Todos naturais de Lisboa, os autores em questão são Vasco Araújo, Susanne Themlitz, Daniel Blaufuks e Augusto Alves da Silva. Com percursos diferentes, mas de gerações razoavelmente próximas, são estes os nomes que verão os seus trabalhos ser apreciados por um júri composto por Pepe Font de Mora, Kate Bush, Manuel Castro Caldas, Olga Sviblova e Teresa Siza.

Susanne Themlitz, com os seus Territórios e Estagnações Ambulatórias, traz-nos um universo para além do onírico, sentimentos humanos de solidão fundamentados em bases de ficção científica. Há uma construção da personagem que cria, e ultrapassa, o conceito impresso em cada fotografia. Vasco Araújo, com os seus Trabalhos para nada remete também um pouco para a solidão, ainda que assente a sua estética sobre o contraste entre o homem e o quotidiano que o rodeia, quer na loucura, quer no deserto da espera. É, aliás, de Vasco Araújo, da sequência O homem que confundiu a sua Mulher com um Chapéu, a fotografia que encabeça este texto.

Posteriormente, enquanto Augusto Alves da Silva oferece uma visão quase voyeur da busca da beleza por parte do homem, Daniel Blaufuks percorre caminhos cromáticos em torno do homem, da estética quer da cor quer do conceito, como o exemplificam uma porta aberta em nome da espera. É esta a compilação em mais uma das boas exposições que o C.C.B. nos oferece. A visitar, no sitio do costume, até 18 de Março.

Título: BES Photo 2006
Autores: Augusto Alves da Silva, Daniel Blaufuks, Susanne Themlitz e Vasco Araújo.
Galeia 3 Centro de Exposições do Centro Cultural de Belém.

2 Comments:

Blogger Kit_Kat said...

E já que estamos no CCB, percam mais uma hora ou duas e passem pelas restantes exposições : Nuno Cera, Gonçalo Byrne e Candida Hoffer. Porque depois só Berardo ;)

7:59 da tarde  
Blogger Hitchhiker said...

Completamente de acordo...

10:37 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home