quinta-feira, abril 27, 2006

Curtas Metragens



Entre 20 de Abril e 30 de Abril decorre a terceira edição do festival de cinema independente Indie Lisboa 2006 no Forum Lisboa e nos Cinemas King. Trata-se de uma competição oficial de longas e curtas metragens que são apresentadas pela primeira vez em Portugal, numa clara tentativa de descoberta de novos realizadores. Dispõe de prémios tanto para filmes portugueses como para filmes estrangeiros, além do prémio atribuído pelo público (pode participar qualquer espectador das sessões da competição oficial).
A próposito de Curtas Metragens, o Canal Hollywood mostra todos os dias um conjunto de curtas( ou cortometraje) de grande nível. Surpreendentemente, as curtas metragens exibidas por este canal são bastante recentes, ao contrário do que acontece com as longas metragens. A duração das curtas metragens apresentadas diverge bastante, variando entre os 2 minutos e 25 minutos. Como exemplo de uma curta de 2 minutos, vi uma recentemente cujo título era Aroma(2004) realizada por um irlandês Damon Silvester, em que duas senhoras de idade bastante ordinárias tentavam passar por senhoras requintadas. Posso dizer que é difícil compreender a profundidade da mensagem deste filme, dado que a cena principal consiste numa competição de expulsão de gases (vulgo peidar) entre estas duas senhoras. Quase que é possível decorar por inteiro todo o guião deste filme, que como já devem ter percebido, não é muito rico. Força! Larga tudo (diz a velha para a outra) / Momento de pausa... / Então! não se ouviu nada...( diz a mesma velha para a outra) / Silencioso...mas poderoso ( Responde a outra velha) / Cristo, tás podre! ( grita a primeira velha) . Como vêem, este guião é merecedor de várias horas de discussão, em que se podia abordar a excelente utilização do nome do filho do Senhor, ou mesmo o estado dos idosos actualmente nas sociedades modernas que não tendo dinheiro para irem ao cinema ou ao teatro, têm que se submeter a competições porcas e ordinárias.
Como exemplo de uma curta metragem bem mais longa ( 22 minutos) e detentora igualmente de uma história que se preze, apresento-vos El Nino Vudu(2004). Realizado por um espanhol, Tony Bestard, esta curta combina os géneros documental e ficção, ocorrendo em torno de um acontecimento histórico: O único concerto de Jimi Hendrix em Espanha ( Em 1968 na discoteca Sargent Pepper`s em Maiorca). Paralelamente, é descrita uma história em que um adolescente de 16 anos, Pablo, perde a sua inocência juvenil para se transformar num pequeno homem. Este jovem é barrado pelo segurança da discoteca onde ia actuar Jimi Hendrix. Este realizador que já foi multipremiado por trabalhos anteriores, alcançou igualmente 4 prémios em mais de 30 festivais em que foi seleccionado.
Indie Lisboa - Até 30 de Abril Bilhetes custam 2,5 € para estudantes
Canal Hollywood - Não sei a programação exacta em que são exibidas as curtas. No entanto, posso garantir que por cada 10 vezes que forem ver canal, em 3 estarão a dar curtas metragens . Nada de batotices, e carregar 10 vezes seguidas no canal hollywood para refutar esta minha teoria.

2 Comments:

Anonymous Anónimo said...

loooooooooooooooooooooooooooooooool
gostei da pequena correcção...mas pelo menos o ano na 2a frase continua mal...

12:50 da manhã  
Blogger NearlyGod said...

ainda não me dei conta que estamos em 2006...

1:09 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home